Se tornar instrutor de autoescola exige uma série de responsabilidades e noções de trânsito muito apuradas. Afinal, estamos falando de um profissional que precisará lidar com um aprendiz e com um veículo em suas mãos!

Por isso, para começar nessa profissão e se tornar um instrutor de trânsito é preciso cumprir alguns passos obrigatórios. Confira mais abaixo o que separamos sobre o assunto!

Quem pode se tornar instrutor de autoescola?

Nem todo mundo pode se tornar um instrutor de autoescola. Os requisitos são importantes para manter a segurança de todos nas vias e garantir que o profissional tenha o conhecimento necessário para dar aulas. São eles:

Estar habilitado no mínimo há 2 anos em qualquer categoria.
Ter concluído o Ensino Médio em instituição de Ensino Reconhecida pelo MEC.
O instrutor de trânsito também deve ter mais de 21 anos.
Deve ser aprovado no teste psicológico para poder fazer o curso.
Deve fazer o curso de Formação de Instrutor em uma escola devidamente credenciada, a Trânsito Fácil é uma escola com reconhecimento em todo o Brasil.

O curso para se tornar instrutor de autoescola é obrigatório?

Essa é uma pergunta bem comum a respeito da profissão. Embora rápido e acessível, o curso é obrigatório e deve ser feito em uma Escola devidamente credenciada, a Trânsito Fácil é uma escola com reconhecimento em todo o território nacional.

O curso tem como principal objetivo transformar um motorista comum em um profissional do ensino do Trânsito – profissão nobre e que exigirá algumas noções, como:

Didática para ensinar ao aluno a melhor forma de começar a se locomover com o veículo. O instrutor de trânsito deve ser paciente e compreender as dúvidas e medo dos alunos, sem jamais ser grosseiro ou rude.

Psicologia para conseguir lidar com alunos com maiores problemas, como os traumatizados pelo trânsito ou pessoas que não se sentem seguras para dirigir.

Legislação de Trânsito e Direção defensiva reforçada, afinal, o instrutor deve ser o responsável por evitar acidentes, caso o aluno comete algum erro durante as aulas. O profissional deve saber agir no momento certo e entender as situações de riscos iminentes.

Por fim, o curso também reforça noções de primeiros-socorros, mecânica básica, meio ambiente, cidadania entre outras áreas. Todos esses pontos são importantes para que a aula seja a mais segura possível.

Se tornar um instrutor de autoescola, embora seja um processo que deva ser concluído por etapas, é mais simples do que muitas pessoas imaginam.

Caso você tenha vontade de começar uma nova carreira e já possui os pré-requisitos necessários que citamos, basta fazer o curso obrigatório e garantir sua vaga no mercado de trabalho.

Lembre-se: procure por locais com ampla experiência, como é o caso da Trânsito Fácil! Temos os melhores profissionais à disposição e um processo rápido, fácil e totalmente legalizado com os órgãos responsáveis.

Veja mais sobre o curso em nossa página!

Gostou das dicas de hoje? Compartilhe!28